Espalhe por Whatsapp

O que você sempre quis saber sobre basquete e a NBA? Parte 2

Ricardo Romanelli
Ricardo Romanelli

Nesta parada da NBA e do mundo para combater a pandemia de corona vírus, abrimos nossas redes sociais para que nossos seguidores pudessem perguntar aquela curiosidade ou dúvida que sempre quiseram tirar sobre basquete e a NBA. O que não sabíamos, fomos atrás e pesquisamos para trazer as melhores respostas.

Esta é a parte 2 do especial, e já temos a parte 3 planejada com uma dúvida tão complexa que merece sua matéria própria, e que introduzimos no final deste capítulo.

@kassiano_santos_: Como se marca em um gancho?

Image title

Kassiano, o gancho realmente é uma jogada muito difícil de ser marcada e por isso mesmo é tão letal. Para marcar um gancho, é mais fácil tentar defender o adversário por trás e não pela frente, pois este movimento visa justamente debilitar o defensor que está de frente para o atacante. Assim, a ideia seria deixar o adversário fazer sua passada e tentar dar um toco por trás. O conceito é similar a quando o defensor deixar o driblador passar para roubar a bola por trás, quando o oponente já deixou de proteger o drible. Por fim, a maioria dos ganchos é executada após uma passada do jogador com a bola, então tentar atrapalhar o movimento de pés do adversário também é uma solução eficiente.

@junior.hova: Acompanho a página de vcs há muito tempo e também a nba há muito mais kkk sou do tempo dos bad Boys dos pistons e claro do tempo que Luciano do Valle trouxe para nós através da band...Mas tenho sim (confesso kkk) duas dúvidas ,primeiro essa função do jogador passar ou não pelo high school ou universidade e de como realmente funciona o sistema de draft na nba...continuem com a página ela é muito boa.

Junior, a gente agradece o elogio e fica feliz de saber que você acompanha NBA há tanto tempo. Realmente esses jogos do Luciano do Valle na Band entraram para a história entre os fãs de basquete no Brasil, e trouxe muita gente boa pro mundo da NBA.

Sobre o Draft, a regra já mudou bastante sobre o momento em que o jogador pode se candidatar. Atualmente é necessário que ele tenha no mínimo 19 anos de idade completos no ano do recrutamento, e que tenha atuado pelo menos um ano no basquete universitário dos EUA ou como profissional em outra liga de basquete. A ordem do Draft é definida por um sistema misto de sorteio e classificação das equipes durante a temporada, a qual explicamos melhor na parte 1 deste especial. O sistema tem várias regras e mereceria uma matéria própria, então se o que você queria saber não está contemplado aqui, nos avise que respondemos em outra pergunta!

@eliascarvalho7: Acho triste não ter o famoso rebaixamento e provimento a liga superior na NBA , acha que é possível mudar isso na maior liga de basquete do mundo??

Elias, é bastante improvável que isso aconteça. Como respondemos em outra pergunta na Parte 1, o sistema de ligas nos esportes americanos é algo cultural e bastante enraizado no modelo esportivo do país. De qualquer modo, times que não se classificam para os Playoffs ganham menos receita, pois os jogos desta fase valem muito mais na TV e nos ingressos, além de não conseguirem atrair os fãs se não tiverem bons times. É bastante difícil achar exemplos de times que “queiram” ser ruins por muito tempo na NBA. No geral, todos querem ser bons, mas alguns não conseguem. Não seria um sistema de rebaixamento que mudaria isso.

@eliascarvalho7: E o Lakers é visto pelos americanos como os espanhóis veem o real Madrid ou seja o maior time da história???

Image title

Elias, é sempre difícil traçar este tipo de paralelo. No geral, os esportes americanos são muito mais competitivos e é difícil times abrirem superioridade de conquistas na mesma ordem de grandeza que os gigantes do futebol europeu. Apesar disso, guardadas as devidas proporções, dá pra pensar num comparativo sim. O Lakers está atrás do Boston Celtics em número de títulos (17 x 16), mas a maior atenção midiática e torcida fazem do Lakers um candidato melhor a “Real Madrid da NBA”, já que o Real também é um time que gera muitas manchetes. Se fosse comparar com o Brasil, poderíamos dizer que é o Flamengo da NBA. Mas aí não queremos entrar em polêmicas hehehe.

@santos_cwb_: Se um jogador lança a bola embaixo do aro e a bola subir e descer pelo aro, vale como cesta?

Image title

Eliel, o artigo 16.2.4 do regulamento da FIBA estabelece que “se um jogador faz com que a bola passe por baixo do aro, é uma violação.”

Já o artigo 22.2 define que a penalidade para violações dessa natureza é que o adversário receba a bola para reposição lateral ou no fundo, no local mais próximo de onde ocorreu a violação

Resumindo: se isso acontecer, o jogo para e a bola vai para o time adversário.

@marostica33: Por que o Carmelo não se aposentou?

Victor, a decisão de cada jogador ocorre no seu íntimo e dificilmente sabemos tudo que se passa na cabeça de qualquer pessoa. Apesar disso, conhecendo o Carmelo, pareceu que ele não queria que a dispensa do Houston Rockets após tão poucos jogos fosse o final de sua brilhante carreira. Ele conseguiu dar a volta por cima em Portland e agora pode ter a chance de uma temporada de despedida com o New York Knicks no ano que vem. Convenhamos, é uma despedida muito mais digna, não acha?

@diego_sartorio_: Como funciona o critério de desempate para os playoffs?

Image title

Diego, as regras da NBA trabalham com dois cenários de empate. O primeiro, para quando dois times estão empatados. O segundo, para quando mais que dois times estão empatados. Em ambos os casos, existe uma ordem de critérios a serem adotados.

Quando o empate é entre dois times, a ordem dos critérios é:

1 - Mais vitórias em confronto direto durante a temporada

2 - Melhor posição dentro da divisão (independente se os times empatados estão na mesma divisão)

3 - Melhor campanha dentro da divisão (apenas se estiverem na mesma divisão)

4 - Melhor campanha contra times na própria conferência

5 - Melhor campanha contra times que se classificaram para os playoffs na própria conferência

6 - Melhor campanha para times que se classificaram para os playoffs na outra conferência

7 - Melhor saldo total de pontos (pontos marcados x pontos sofridos) contra todos os adversários na temporada.

Quando o empate é entre mais que dois times, a ordem dos critérios é:

1 - Melhor campanha na divisão (independente se os times empatados estão na mesma divisão)

2 - Melhor campanha nos confrontos diretos entre todos os times empatados

3 - Melhor campanha contra times na própria divisão (apenas se os times empatados estiverem na mesma divisão)

4 - Melhor campanha contra times na própria conferência

5 - Melhor campanha contra times que se classificaram para os playoffs na própria conferência

6 - Melhor saldo total de pontos (pontos marcados x pontos sofridos) contra todos os adversários na temporada.

@silviomoura07: Já aconteceu alguma final de ir ao jogo 7 e ir a prorrogação?

Image title

Silvio, tivemos duas finais decididas na prorrogação de um jogo 7. Em 1957 o Boston Celtics superou o St. Louis Hawks (atual Atlanta) com duas prorrogações. Depois, em 1962, o mesmo Boston Celtics superou o Los Angeles Lakers na prorrogação do jogo 7. Neste jogo, o Laker Frank Selvy teve um arremesso sem marcação no final do tempo regulamentar que teria vencido o jogo e a série, mas a bola bateu no aro. Se ele tivesse convertido o arremesso, o Celtics não teria tido sua sequência de 6 títulos consecutivos que durou de 1961 a 1966.

Também tivemos uma final do Oeste decidida na prorrogação do jogo 7, em 2002, quando o Los Angeles Lakers bateu o Sacramento Kings na casa do rival.

@costa.ro94: Como foi feito o processo de expansão da liga, se tornando mais popular?

Rodrigo, sua pergunta foi muito boa e merece uma resposta mais detalhada. O processo de expansão da liga teve várias fases em momentos históricos e de mercado distintos, então vamos fazer uma matéria só para responder ela, ok? Fique ligado.

No mais, aguardamos nossos leitores para continuar este especial! Continuem mandando perguntas em todas as nossas redes ou aqui na seção de comentários, pois enquanto existirem dúvidas, responderemos!

Dá um play e confira o que rola no nosso podcast!