Espalhe por Whatsapp

4 ex-jogadores da NBA que fizeram fortuna depois de aposentados

11 de Setembro | Ricardo Romanelli

Hoje a NBA vive uma época de super salários e patrocínios para seus jogadores, mas nem sempre foi assim. Os astros de décadas passadas penavam para ganhar em toda sua carreira o que um jogador mediano hoje ganha em um contrato de 4 ou 5 anos. A habilidade de fazer bons investimentos após sua aposentadoria, portanto, era essencial para garantir um futuro tranquilo.

Alguns jogadores foram mais espertos que outros, e conseguiram criar verdadeiros impérios fora das quadras. Destacamos alguns deles:

4. Hakeem Olajuwon

Image title

Um dos maiores pivôs da história da liga, "The Dream" acumulou aproximadamente US$ 107 milhões de dólares em sua carreira. Desde 2002, ano de sua aposentadoria, ele ganhou quase US$ 100 milhões de dólares em transações no mercado imobiliário, dobrando sua fortuna conquistada nas quadras.

3. Dave Bing

Image title

Bing jogou pelo Detroit Pistons nos anos 70, e na época, era um dos jogadores mais bem pagos da liga, com US$ 250 mil dólares por temporada. Um salário bem módico, comparado aos de hoje. Depois de aposentado, Bing fundou o Bing Group, uma empresa que trabalhava com aço e manufaturas, que chegou a faturar US$ 1 bilhão de dólares por ano. Ele também foi duas vezes prefeito de Detroit.

2. Magic Johnson

Image title

Hoje principal executivo do Los Angeles Lakers, Johnson foi um dos atletas mais bem pagos de sua geração com a franquia que defendeu durante mais de uma década. Ele assinou um contrato de 25 milhões de dólares por 25 anos em 1981, que também lhe garantiu uma cota minoritária da franquia ao término do acordo. Apesar disso, foi fora das quadras que ele fez sua verdadeira fortuna. Com a Magic Johnson Enterprises, ele investiu em negócios diversificados desde veículos de mídia, parcerias com redes como Starbucks, 24 hour fitness T.G.I Fridays, transações imobiliárias e diversos fundos de investimento, além de ter tido passagens como dono minoritário do Los Angeles Dodgers, da MLB, e do Los Angeles Sparks, da WNBA, do qual ainda tem uma parte. Ele também está envolvido na fundação de um time de futebol em Los Angeles, com diversos grandes nomes do esporte e entretenimento da California. Tudo isso confere a Johnson uma fortuna que hoje é avaliada em US$ 600 milhões, mais de 20 vezes maior do que o contrato de 25 anos que ele tinha assinado com o Lakers.

1. Michael Jordan

Image title

Jordan foi o melhor dentro das quadras e também fora delas. Ele ganhou US$ 93 milhões como jogador do Chicago Bulls e do Washington Wizards, e soube multiplicar esta soma como ninguém. Apenas sua marca de tênis e roupas de basquete, a Jordan Brand, é atualmente avaliada em US$ 1.31 bilhões de dólares. Ele também se tornou o primeiro ex-atleta a se tornar dono majoritário de uma franquia da NBA, ao comprar o Charlotte Hornets (então Bobcats), em 2010. Sua fortuna atualmente é avaliada em US$ 1.7 bilhões, e no ano passado ele ganhou mais dinheiro do que qualquer atleta em atividade no mundo, com cerca de US$ 110 milhões de lucros de suas operações. A Nike, parceira do Rei do Basquete na Jordan Brand, projeta que a marca atinja receitas de até US$ 4.5 bilhões até 2020.

Curta a Hoop78 no Facebook

Siga: Acompanhe o Hoop78 nas Redes Sociais:
facebook
twitter
instagram